Comece a ganhar
dinheiro com o seu blog

Adquira agora mesmo sua independência financeira
e trabalhe de onde quiser!

Eu quero!
Loading

O que é SEO e como começar a usar no seu blog

Por Bárbara Nassar, em


Aprenda como divulgar seu site e obter tráfego sem pagar por anúnciosApenas colocar um post no ar não é suficiente, isto porque milhões de artigos são publicados diariamente.

Obter tráfego de qualidade é decisivo para o sucesso de um blog, isto porque sem ele você não terá leitores, leads e vendas.

Do que adianta ficar horas escrevendo se ninguém está lendo o que você escreve?

O tráfego a partir dos mecanismos de buscas é o melhor tipo de tráfego que um blog pode receber, porque elas estão a procura de soluções para seus problemas.

Por isto você precisa aprender o que é SEO e como começar a utilizá-lo.

Como funciona as buscas do Google

A qualidade e a velocidade da sua classificação transformou a empresa no maior buscador do mundo.

Mas você já parou para pensar como o Google escolhe os resultados que irão aparecer?

Ao digitar um termo na barra de pesquisa, os robôs do Google (chamados de Googlebot) utilizam como base uma lista de sites das buscas feiras anteriormente, e a partir dela os rôbos visitam cada link para verificar alterações, erros ou novos links.

Além disto, os donos dos sites também podem ajudar os robôs enviando seus links, caso tenha feito alguma alteração nos posts, através do Google Search Console.

Após isto será exibido os resultados mais relevantes em uma lista, baseada em mais de 200 fatores de ranqueamento.

É então que o SEO entra, para te ajudar a melhorar o seu desempenho e se destacar nas pesquisas do Google.

O que é SEO (Search Engine Optimization)?

O SEO é um conjunto de técnicas e estratégias de otimização, que resulta em um melhor posicionamento nos resultados orgânicos dos mecanismos de busca, como Google e Bing.

Basicamente, o principal objetivo do SEO é aumentar o volume do tráfego orgânico.

Existem diversos fatores que o Google utiliza para rankear um site, e muitos deles a empresa não compartilha, mas basicamente existem dois tipos: SEO on-page e SEO off-page.

  • SEO on-page: se refere aos fatores de ranqueamento que podem ser otimizados dentro do seu blog, como por exemplo: palavras-chave. títulos, meta description, links internos e entre outros.
  • SEO off-page: se refere aos fatores de ranqueamento que não depende exclusivamente de você, por exemplo: quantidade de blogs que indicam o seu.

Vale a pena investir meu tempo em SEO?

Saber o que é SEO e como aplicar as técnicas é extremamente importante para obter um tráfego de qualidade e gratuito, mas é necessário se destacar nos resultados. Isto porque os sites que aparecem logo nas primeiras posições possuem uma chance maior de serem acessados.

De acordo com uma pesquisa realizada pela Advanced Web Ranking, os 5 primeiros resultados no Google recebem aproximadamente 60% de todos os cliques.

Seu site aparecendo no Google em alguma posição que não seja as primeiras, é praticamente o mesmo de não aparecer.

Como começar a usar SEO no seu blog

Instale um bom plugin de SEO no seu WordPress.org:

O WordPress.org é considerado uma das ferramentas mais eficazes para a criação de blogs, isto porque a plataforma permite que qualquer pessoa, mesmo sem conhecimentos técnicos, consiga criar, publicar e administrar um site de qualidade.

Sua principal vantagem é a facilidade com a qual um blog é indexado no Google.

Isto se deve principalmente porque a plataforma oferece funcionadas completas e personalização total em SEO.

Além disto, a instalação de alguns plugins focados em SEO te auxiliará no processo de otimização.

Plugin – SEO by Yoast:

O plugin de SEO mais conhecido do WordPress é, sem dúvidas, o Yoast SEO. Este oferece vários recursos que irão te auxiliar da melhor maneira possível na otimização dos seus artigos para que os mesmos tenham um bom posicionamento nos mecanismos de busca.

Não irei entrar em detalhes de configuração, pois por padrão o plugin já vem bem otimizado.

Abaixo alguns dos recursos que a plataforma oferece para melhorias dos posts:

  • Título
  • Meta description
  • URL
  • Palavras-chave
  • Alt text
  • Número de palavras
  • Títulos, descrição e imagens para redes sociais

Caso você ainda não tenha um blog no WordPress e quer criar um, recomendo a leitura do artigo: como criar um blog no WordPress.org.

Planeje suas palavras-chaves:

Palavras-chave são extremamente importantes para o SEO do seu site, pois elas resumem qual o assunto principal que o seu artigo aborda.

Além disto, se um usuário procurar por algum termo presente nas suas palavras-chave, e o seu artigo estiver otimizado para o SEO, possui grandes chances do seu blog aparecer nas primeiras posições.

Ou seja, é por meio delas que seus leitores vão te encontrar no Google e aumentar o tráfego do seu blog. Sem elas as publicações nunca irão alcançar todo o seu potencial.

Tipos de palavras-chaves:

Existe mais de um tipo de palavras-chave? Sim. Mas não se preocupe, abaixo citei os dois principais e as diferenças entre si.

  • Head tail: são as palavras-chaves mais genéricas e abrangentes, por isso possuem o maior volume de busca. A palavra-chave “maquiagem” recebe cerca de 368 mil pesquisas mensais, imagina o volume de tráfego orgânico que um blog bem ranqueado nessa palavra-chave recebe!
       Exemplo: lollapalooza
  • Long tail: totalmente ao contrário da anterior, são termos de pesquisas mais longas e específicas do que a head tail. Por conta disto, você vai enfrentar uma concorrência menor pela primeira página do Google.
       Exemplo: looks para o lollapalooza 2019

Como escolher sua palavra-chave:

Você irá precisar incluir a sua palavra-chave no título, artigo e url, por isso é importante separar algum tempo para escolhê-la com calma e sabedoria.

O ideal é encontrar alguma palavra-chave com alto volume de tráfego, porém com pouca concorrência.

Levando isto em conta, apesar de receber menos volume de busca, a long-tail é uma ótima alternativa para quem procura pouca concorrência. Indico principalmente para blogueiras que estão começando.

Existem algumas ferramentas para te ajudar neste processo:

Para saber mais sobre a escolha da palavra-chave, recomendo a leitura do post: como escolher a palavra-chave para o seu post.

Crie bons títulos:

Não há dúvidas que devemos escrever artigos com um bom conteúdo para reter os leitores, mas precisamos lembrar de utilizar bons títulos para atrair os leitores.

Um bom título pode ser crucial na hora de atrair novos leitores, isto porque com a quantidade de artigos publicados diariamente, a disputa por atenção nunca esteve tão grande.

O título deve ser baseado na palavra-chave escolhida e, ao mesmo tempo, atraente para os usuários clicarem. Uma alternativa é a criação de iscas, sejam elas:

  • Criando um senso de urgência
  • Respondendo problemas do seu leitor
  • Prometendo coisas que estejam no seu conteúdo
  • Utilizando palavras chamativas, como: grátis, dicas, download

Faça uma meta-description interessante:

Ao realizar uma pesquisa no Google, além do título dos artigos, também será mostrado um pequeno resumo. E apesar do Google não levar mais em consideração a meta-description como fator de ranqueamento, ela ainda influencia o posicionamento no seu blog.

Isto porque uma descrição bem feita pode influenciar diretamente na quantidade de cliques, um fator que influencia no ranqueamento.

A dica é criar uma meta-description interessante e informativa, em apenas 170 caracteres (aproximadamente), para que desperte o interesse de quem utiliza o Google.

O plugin para WordPress citado anteriormente, Yoast SEO, permite a alteração de uma maneira fácil e rápida.

Aprenda a utilizar as heading tags (h1, h2, e etc):

As heading tags são extremamente importantes dentro da estrutura de uma página, não só para os sites de buscas, mas também para a navegação de seus leitores.

Você deve usá-las para facilitar a identificação do que cada tópico abordará, da mesma forma que acontece em um jornal ou no índice de um livro.

Existe uma escala de 1 a 6, sendo o h1 o mais importante pois representa o título principal, e o h6 o de menos importância (normalmente a importância afeta o tamanho da fonte). Por exemplo:

H1 – Título Principal
   H2 – Capítulo 1
      H3 – Subcapítulo 1.1
      H3 – Subcapítulo 1.2
   H2 – Capítulo 2
      H3 – Subcapítulo 2.1

Não é necessário a utilização de todas as heading tags em um texto, irá depender do tamanho do seu texto e de como você deseja quebrá-lo.

Escreva o ALT text em suas imagens:

Todas as imagens de uma página devem ter um texto alternativo.

O Google não consegue ver uma imagem como nós, ele precisa de uma descrição explicando do que a imagem se trata, é então que o ALT text, também conhecido como texto alternativo, entra.

Basicamente o ALT text garante que o Google entenda do que a sua imagem se trata e que ela fique melhor posicionada nas pesquisas de buscas de imagens.

Usar a palavra-chave no texto alternativo ajuda no posicionamento orgânico do conteúdo, pois reforça que tanto o seu texto quanto as imagens estão alinhadas com o seu assunto principal.

Recapitulando

Através deste post você aprendeu o que é SEO e 6 formas importantes de começar a utilizá-lo em seu blog.

Abaixo coloco o passo-a-passo resumido:

  1. Instale um bom plugin de SEO no seu WordPress.org
  2. Planeje suas palavras-chaves
  3. Crie bons títulos
  4. Faça uma meta-description interessante
  5. Aprenda a utilizar as heading tags (h1, h2, e etc)
  6. Escreva o ALT text em suas imagens

Caso tenham alguma dúvida sobre o assunto, deixem aqui no comentário, será um prazer conversar com vocês.

Quer aprender mais?
Faça o passo a passo de como criar um blog incrível no WordPress + conheça o ebook completo para você começar o seu blog!

Quer aprender mais?
Faça o passo a passo de como criar um blog incrível no WordPress + conheça o ebook completo para você começar o seu blog!

gostou do conteúdo?

dê sua opinião ou deixe sua dúvida!

Ao enviar seu comentario, está concordando com a Política de Privacidade do blog.

5 comentários

Faça sua busca!