Comece a ganhar
dinheiro com o seu blog

Adquira agora mesmo sua independência financeira
e trabalhe de onde quiser!

Eu quero!
Loading

10 erros que você está cometendo no marketing de afiliados

Por Gabriela Valle, em

Existem muitas dicas e regras sobre o que deve ser feito no marketing de afiliados, mas no artigo de hoje vamos falar sobre todas as coisas que podem estar te atrapalhando a alcançar bons resultados.

São inúmeros os erros que um afiliado comete, principalmente no início, e pensando nisso, decidimos listar aquilo que está atrasando sua vida financeira.

Continue com a gente para descobrir como utilizar o marketing de afiliados de maneira correta e comece a ganhar dinheiro como empreendedor digital!

1. Não escolher o nicho certo

O marketing de afiliados permite que qualquer pessoa trabalhe com qualquer nicho, ou seja, oferece espaço para empreender em praticamente todos os assuntos.

Sendo assim, escolher um nicho ruim não significa necessariamente um tema que seja ruim de abordar.

O problema acontece quando uma pessoa decide o nicho que deseja trabalhar, mas não leva em consideração o quanto tem interesse pelo assunto.

Muitos afiliados acabam desistindo sem alcançar grandes conquistas por optarem por categorias que “dão dinheiro”, mas que não são do gosto deles.

O ideal é que você escolha, em primeiro lugar, trabalhar com um tema que seja sua paixão, ou pelo menos, que mantenha sua atenção.

Para descobrir os 7 nichos mais lucrativos do marketing digital clique aqui.

2. Não dar importância ao conteúdo

Alguns afiliados acreditam que postar, postar e postar é o suficiente, como se apenas ser visto fosse suficiente.

Essa teoria não somente está errada, como pode prejudicar consideravelmente o negócio.

Imagine um shopping, que tem dezenas de lojas, mas nem todas têm o mesmo faturamento, ainda que vendam produtos parecidos.

Da mesma maneira, não adianta produzir conteúdo em excesso, se ele não for bom o suficiente para ser notado.

É muito importante levar em consideração que o foco da produção de conteúdo não é somente atrair pessoas, mas convencê-las a fazer alguma coisa.

No nosso caso, convencer alguém a comprar algum produto ou serviço.

O visitante precisa perceber, ao visitar seu site ou perfil, que você sabe o que está falando, ou seja, que ele pode confiar nas suas indicações e sugestões.

Por isso, o ideal é focar em conteúdos que sejam úteis, interessantes e que possam ser atrativos para sua audiência. Eles precisam responder perguntas, solucionar problemas, ajudar a alcançar objetivos.

3. Não trabalhar bem o SEO

SEO (Search Engine Optimization) significa um conjunto de técnicas capazes de otimizar um site, atraindo visitantes de maneira orgânica e colocando-o em evidência nos mecanismos de pesquisa, como o Google.

Isso significa, que ele é fundamental para divulgar um blog na Internet e torná-lo visível a cada vez mais gente.

O conteúdo de qualidade que nós citamos no tópico anterior faz parte das técnicas de SEO, assim como outros ajustes que precisam ser feitos, tanto on quanto of page.

Se você ainda tem dúvidas se deve ou não criar um blog, principalmente se quiser trabalhar como afiliada, clique aqui.

4. Comprar lista de e-mail ou seguidores

Muitos afiliados, ao iniciarem seus trabalhos, querem conquistar resultados mais rápidos e acabam comprando seguidores ou listas de e-mail.

Esse é, com toda a certa, um dos maiores erros cometidos por iniciantes, e até mesmo pessoas experientes.

A explicação é bem simples: quando você compra um celular novo, qual você conhece melhor, o mais recente ou o mais antigo?

Com o passar do tempo, claro, o celular mais novo vai se tornar parte da sua rotina, mas no começo depende de adaptação.

Com clientes e audiência não é diferente. Imagine que você é afiliada de produtos voltados para maternidade, mas os seguidores que você comprou são, em sua maioria, pré adolescentes homens? Os resultados não vão ser satisfatórios.

Ao comprar por uma lista de e-mail ou seguidores, você está entrando em um terreno desconhecido, sem saber o que aquele público gosta e qual é o tipo de linguagem que ele compreende melhor.

Por isso, o ideal é conquistar seguidores e leitores, no intuito de garantir que eles te conheçam e se interessem pelo que você está produzindo. Somente desta maneira, será possível vender de forma eficaz.

5. Esperar por lucros absurdos e rápidos

Não é difícil encontrar pessoas por aí, que se dizem mestres do marketing de afiliados, que garantem dinheiro rápido e fácil.

Alguns mostram ganhos de milhares de reais em poucas horas, garantindo que você também vai alcançar o mesmo resultado se comprar um curso específico.

A verdade é uma só: você não vai alcançar e ele também não alcança. Pelo menos não da maneira que demonstra.

Para que um afiliado chegue ao ponto de ganhar muito dinheiro ou trabalhar pouco, ele precisa ter uma base sólida, consolidada dentro do seu negócio.

E isso, ele só consegue alcançar depois de muito trabalho. Ou seja, ainda que seja possível ganhar muito trabalhando pouco, em algum momento será necessário trabalhar bastante, ganhando menos.

Tudo é um processo, todo trabalho exige tempo, dedicação e investimento de estudos, tentativas e aprimoramentos. Com o marketing de afiliados não é diferente.

Muitos desistem cedo por não alcançarem resultados exorbitantes e acabam ouvindo que não se dedicaram o bastante.

Se este é o seu caso, não se preocupe. Conquiste seu espaço aos poucos, construa sua autoridade com o tempo.

Sites demoram para serem notados e bem ranqueados, e seu negócio vai ser um sucesso, você só precisa manter o foco e esquecer as falsas promessas e os pensamentos negativos.

6. Gerar spam

Spam é aquela mensagem indesejada que você recebe no seu e-mail, comentário de foto ou publicação com vendas e divulgações, sem nem conhecer a pessoa.

Ninguém gosta de receber spam, e da mesma maneira, não deveria nem cogitar enviá-los.

Tudo bem divulgar links, falar sobre seu blog e perfil, mas sempre de maneira natural, sem ser invasivo. O ideal é conquistar a audiência, não obrigá-la a visitar sua página.

Muitos afiliados acreditam que ao enviar mensagens assim, terão mais resultados, mas ocorre justamente o contrário. As pessoas tendem a ignorar divulgações, principalmente quando elas são superficiais e utilizadas no momento errado.

7. Ignorar os dados de desempenho do site

É preciso entender como sua página está funcionando, se ela carrega rápido, se as imagens estão aparecendo de maneira mais lenta ou não, se ela é otimizada para serviços mobile ou somente desktop, etc.

Não se preocupar com a parte técnica do site é um dos grandes problemas no marketing de afiliados, pois uma página que demora a carregar pode significar redução do número de acessos.

Isso, atrelado a outros problemas que podem surgir, pode levar à queda do número de conversões, e consequentemente, menor ganho financeiro.

8. Divulgar produtos em excesso

Trabalhar com marketing de afiliados significa expandir os horizontes para aumentar as chances de ganho.

O problema está no excesso de informação para cada nicho.

Muitos afiliados falham ao tentar divulgar todo tipo de produto ao mesmo tempo, confundindo sua audiência.

O ideal é, no início, focar em apenas 1 produto e ao passar do tempo, oferecer outros produtos que complementem o anterior, mas sempre no mesmo nicho.

Um blog de viagens, por exemplo, pode oferecer hospedagem, lojas para artigos de viagem, restaurantes, cursos de idiomas (quando fala sobre viagens internacionais), passagens aéreas, etc.

Se você oferece muitos produtos ao mesmo tempo e eles não se encaixam entre si, dificilmente seu público irá confiar na sua indicação, pois é fácil notar quando alguém tem interesse apenas em vender, e não em oferecer boas dicas.

9. Não interagir com o público

Não interagir com o público é um grande erro, mas algo muito comum no marketing de afiliados.

Muitas pessoas se perdem ao divulgar links, principalmente quando conseguem conquistar uma boa audiência ou começam a ganhar suas comissões.

É fundamental que as pessoas do seu perfil ou blog não sejam encaradas como produto ou como fonte de renda.

Elas precisam ser vistas e consideradas como pessoas que têm interesses, dores, preocupações, responsabilidades e que estão, de certa forma, colocando a confiança em você.

Sendo assim, é muito importante manter uma relação saudável, realizando pesquisas e observando dados para compreender como ela se comporta, o que deseja, o que está gostando ou não.

Além disso, também é bom citar sobre a importância de não deixar ninguém sem resposta, considerando sempre a importância daquela pessoa como ser humano, e claro, como cliente para o seu negócio.

10. Perder o foco

É comum encontrar afiliados que perderam o foco de diferentes maneiras.

Alguns, ao não alcançarem seus objetivos iniciais, começam a atirar para todos os lados, divulgando todo tipo de produto.

Outros, não têm nem um objetivo definido, mas querem conquistar sua independência financeira e também acabam falhando, pois não sabem nem onde querem chegar.

Há ainda, aqueles que conquistam uma boa audiência, começam a ter bons resultados de maneira orgânica, e logo querem aumentar seu alcance com tráfego pago ou outras plataformas, como Youtube.

Porém, para se obter sucesso com o marketing de afiliados é fundamental manter o foco, sabendo exatamente onde se quer chegar e qual passo dar por vez.

Dessa forma, você irá conquistando seu espaço aos poucos, aprendendo e conhecendo mais sobre seu público, seu negócio e suas possibilidades enquanto constrói sua autoridade.

Recapitulando

Entre os principais erros que são cometidos no marketing de afiliados, hoje citamos:

  1. Não escolher o nicho certo.
  2. Não dar importância ao conteúdo.
  3. Não trabalhar bem o SEO.
  4. Comprar lista de e-mail ou seguidores.
  5. Esperar por lucros absurdos e rápidos.
  6. Gerar spam.
  7. Ignorar o desempenho do site.
  8. Divulgar produtos em excesso.
  9. Não interagir com o público.
  10. Perder o foco.

A gente quer saber de você: qual dos erros que nós comentamos hoje, você já cometeu ou ainda comete como afiliada?

gostou do conteúdo?

dê sua opinião ou deixe sua dúvida!

Faça sua busca!